sábado, 12 de setembro de 2009

Discussão

Ele estava feliz com a reforma feita em um dos cômodos da casa: uma velha e pouco usada cozinha se tranformara em sua sala de cinema com home theater e tudo mais... O seu confortável lugar, que lhe custara uma fortuna, era pra ser só dele e o resto da família percebeu isso, passando a ignorar o tal 'cinema' da casa. Mas ele não ficou tão feliz com isso quanto esperava, não tinha graça ficar sozinho ali, sem ter com quem compartilhar (ou talvez seja melhor dizer 'com quem se vangloriar'?) seu investimento, então queria reunir toda a família para ver um filme. Qual ele queria? 'Inferno na Torre'. Então, num sábado à noite, com o DVD em casa, falou na hora do jantar:
- Vamos assistir 'Inferno na Torre'?
- Eu não quero assistir. - disse a mais nova de suas filhas.
- Por que não? - perguntou.
- Não gosto de catátrofes.
- Não é catástrofe.
- Você disse que era...
- Mas...
- Não, não.
- Tu vai assistir sim!
- Não, não vou. Vou pra sala ver 'Morte sobre o Nilo', agora que finalmente consegui esse filme.
- Mas eu também quero ver esse filme.
- Bom, tenho que devolver segunda na locadora. O teu filme tem que devolver só sábado que vem com os outros, certo? Deixa pra assistir 'Inferno na Torre' outro dia então.
- Nem pensar, vou ver hoje.
- Mas se o filme da Agatha (Christie, 'Morte sobre o Nilo' é baseado no livro dela, 'Morte no Nilo) tem que devolver segunda...
A conversa já tinha alcançado os tons de discussão. O resto da família estava em silêncio. A filha mais velha tinha planos de ver um filme com o namorado na sala e fuzilava a irmã mais nova com os olhos. Esta, percebendo, fez um sinal como se dissesse 'Fica quieta, eu não vou ir ver o filme na sala... É só um truque...', então a mais velha pareceu entender e não protestou.
- Eu vou ver o meu filme hoje. E tu vai ver também! - ele disse, em tom de quem estava dando fim à discussão. Em seguida, em tom apaziguador disse: - Tu vai adorar o filme! E é a imegem e o som de cinema, vai ser ótimo! Duvido que tu não goste...
A mãe que assistia a tudo calada já estava ficando preocupada com o que aconteceria a seguir quando viu que a filha, teimosa como o pai, não desistiria assim tão fácil. Toda a família estava preocupada, nunca uma discussão contra o pai era ganha, ainda mais como aquela... O resultado na certa era briga, era o que todos pensavam. E por isso todos se surpreenderam com o que veio a seguir.
- Não, eu não vou assistir! Eu vou lá na sala ver o filme da Agatha e pronto! - a filha respondeu decidida, falando alto para superar os murmúrios do pai.
O pai continuou murmurando alguns momentos, depois ficou em silêncio e olhou para a expressão decidida na cara da filha, não conseguiria dissuadi-la, ela não iria até o 'seu cinema' se não fosse para ver 'o filme da Agatha'. Depois de alguns minutos de silêncio, sentindo que os olhos dos outros estavam postos nele, esperando uma reação, ele disse simplesmente:
- Certo, vamos ver o filme da Agatha Christie.
Refugiou-se em seguida em sua sala-de-estar, seu cinema, esperando pelos outros. Assim que saiu, o resto a família olhou admirada para a filha que tinha vencido o pai.
- Vocês viram como é simples? É só ser mais teimoso que ele... Além do mais, foi fácil, ele não está aguentando ficar lá 'sossegado, sem atrapalhar ninguém', como ele diz... É, foi um plano de última hora mas deu certo. - e riu, como se aquela situação fosse extremamente comum, como se tivesse certeza de que ganharia, como se soubesse tudo a respeito do modo de agir com o pai. Simplesmente, como se soubesse antes de tudo acontecer.

5 comentários:

Melissa B. disse...

Ana, td bem?
Bah gostei do novo layout. Saudade daquiii. To estudando mto, ta uma locura. A dança tá bem legal, tem apresentação no fim do ano. Que bom q tu gosto dos textos.
Ah, taaanta chuva assim, não. Pior, eu tbm penso se não é o aquecimento não. Que ruim. Mas abafaa! ahsuahsuaihs
Bjo - adorooo

Erica Ferro disse...

Adorei a crônica.
Não tem graça "luxar" sozinho, né?
Coitado, teve que ceder mesmo. :)

;*

Mr.Orange disse...

Por favor,acompanhem os posts “RP”.Breve mais coisas!
Obrigado.

Natália disse...

Praticamente uma vidente. beijos

Yasmim Lopes disse...

vou usar essa tática lá em casa
ralmente, não tem graça luxar sozinho